Treino livre

Ir em baixo

Treino livre

Mensagem por Afrodite em Dom Mar 18, 2012 7:32 am

No treino livre, o semi-deus pode criar a situação que desejar, no local, como, com quem e afins.

Mínimo de Linhas: 25
Recompensa Máxima: 50 Dracmas e/ou 500 EXP
Perdas: 20 HP e/ou 1 Energia


P.S.: Os treinos noturnos (noite) só podem ser realizados por filhos de Hécate, Nyx, Hades, Thanatos, Selene e Melinoe.

_________________

Explain To Me
This Conspiracy
Against Me
And Tell Me
How I've Lost My Power?
avatar
Afrodite
Deuses
Deuses

Mensagens : 153
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 24
Localização : Olimpo, ás vezes...

Ficha de Semideus
Ítens e Armas:
HP:
100000/1000000  (100000/1000000)
Nível: Infinito

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treino livre

Mensagem por Nicole Mosley em Dom Mar 18, 2012 10:12 am

Assim que soube que Cronos, o senhor do tempo, estava a procura de semi-deuses para seus exércitos, tratei de ir até ele. Seu reino era magnifíco, e emanava uma enorme e surpreendente aura de poder. Ao entrar no salão principal, me deparo com um trono, e um garoto, que parecia ser poucos anos mais velho que eu, sentado no mesmo, me encarando.
-Então, filha de Zeus, o que deseja em meus domínios?-Sua voz era estridente e retumbante, e, por mais que o garoto abrisse a boca quando a voz saía, a mesma não parecia vir dele.
-Gostaria de me unir aos seus exércitos-digo, tentando demonstrar indiferença, apesar do nervosismo me consumir por dentro.
-Vejamos se você é digna disso- Ele diz, e, com um estalar de dedos, a sala se transforma em um verdadeiro coliseu, e tres leões são soltos, os três correnda na minha direção. Logo de primeira acerto um em cheio no peito com minha lança elétrica, que fica se debatendo no chão. Os outros dois corriam avidamente então, por instinto, transformo meu bracelete em aégis e ponho em frente a mim. As duas bestas param de correr, e encaram quase como hipnotizados o rosto da medusa. Sem movimentos bruscos, empunho a espada de bronze celestial e golpeio o mais próximo. Acerto uma de suas patas, o que o desperta do tranze. Ele morde uma das minhas pernas, e começa ame arrastar pela arena. Uso os poderes do meu pingente do trovão para invocar um choque de milhares de wolts, e tento conduzilo por todo o meu corpo. Até que deu certo. Esse parou de correr, e, paralisado na posição que estava quando o golpeei, ainda mantinha minha perna agarrada a suas presas. Teria sido fácil, se o último deles não corresse até mim, prestes a abocanhar minha cabeça. Com um movimento rápido, me desprendo do leão eletrocutado de maneira rápida o suficiente para que eu não perdesse a cabeça. Mas a criatura felina nem encostou no que estava no chão, e se virava rápidamente para mim. Consegue arranhar meu braço direito com suas garras, impedindo que fizesse um estrago maior com um chute certeiro. Corro até o outro lado do campo de batalha, sem conferir se a besta me seguia. Pego o presente que Nyx tinha entregue a mim como de aniversário e miro todo seu poder no leão. O mesmo paraliza-se instantaneamente, ficando até parecido com uma estátua. Olho o lugar ao meu redor: um leão paralizado quase como uma pedra, um se debatendo no chão com uma lança em seu peito e outro tremendo convulsivamente do outro lado. Sem me mecher muito, apenas virando o rosto, olho para Cronos.
-Vamos, os mate-disse ele, meio decepcionado-São fracos.
-Eu já os derrotei. É o suficiente para mim-Digo, tentando não faltar com respeito.
Ele dá um sorriso torto -na minha opinão, sarcástico- e logo tudo escurece. Quando a luz retorna a minha visão, me via no chalé de Zeus, deitada em minha cama. Os equipamentos que tinha usado, espalhados pelo chão, com algo que jamais tinha visto antes: uma foice de metal negro, que de alguma forma sabia que pertencia a mim.

________________________________
Att por Nyx
240 XP - 34 Dracmas
avatar
Nicole Mosley
Filhos de Zeus
Filhos de Zeus

Mensagens : 107
Data de inscrição : 10/03/2012
Idade : 22
Localização : Onde tenha monstros pra matar

Ficha de Semideus
Ítens e Armas:
HP:
40/100  (40/100)
Nível: 40

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treino livre

Mensagem por Sam Fletcher em Qua Mar 21, 2012 3:39 pm

Depois de almoçar, resolvi treinar um pouco. Lembrei-me então que ali havia um lugar para treinar combates com monstros.
-Parece algo bom para treinar, afinal não lutei mais desde o dia que cheguei aqui no acampamento...-digo a mim mesma, em voz alta, em seguida olhando em volta se alguém tinha visto. Não queria ser considerada louca tão cedo.
Naquele momento começaram a vir lembranças ruins daquele dia em que cheguei aqui no acampamento, quando meu pai morreu. Continuei andando até chegar ao lugar: aquele lugar era bem parecido com uma arena, só que bem menor que a outra arena que usávamos no acampamento. Era totalmente cercada por um alto muro de mármore e possuía apenas duas entradas, uma seria para mim e a outra para o que quer que eu fosse enfrentar. Essas entradas eram dois portões de bronze celestial que, pelo que pude perceber se fechariam quando eu entrasse. E, embora apreensivo, entrei lá, e assim que fiz isso o portão se trancou. O chão dali era de terra batida e estava cheio de restos de armaduras, armas quebradas, escudos. Havia sangue seco nas paredes e no chão.
Então, tirei minha munhequeira e ela se transformou em lança. Assim que eu fiz isso, a outra porta se abriu e de lá surgiu um cavalo. Eu estranhei um pouco, mas fiquei alerta, pois aquele cavalo tinha uma cara de poucos amigos, além de dentes afiados e patas enormes. Nesta hora ele empinou, relinchou uma vez e depois começou a correr em minha direção. Então, resolvi fazer algo ousado: mirei e atirei minha lança na direção do cavalo. A lança atravessou uma de suas patas dianteiras e ele continuou correndo. Saquei minha espada e comecei a correr para pegar minha lança. Nesta hora, o cavalo relinchou e de sua boca saiu uma rajada de fogo. Eu tentei me desviar, mas meu a braço direito queimou um pouco. "Droga! Apesar de não ter perdido o braço, não vou conseguir usá-lo por enquanto. Vou ter que matar esse bicho logo." Então, de repente tive uma ideia. Peguei minha lança e um escudo que estava no chão, o prendi em meu braço queimado e comecei a correr em direção ao cavalo. Ele começou a lançar seu fogo contra mim, mas o escudo bloqueou a maior parte do fogo. O cavalo percebeu que eu ainda estava vivo e veio em minha direção, justamente o que eu queria. Assim que ele chegou perto de mim, ele levantou suas patas para tentar me esmagar com elas. Neste instante eu enfiei minha lança em seu dorso. O cavalo gemeu de dor e caiu no chão, bem aos meus pés. Logo que o portão se abriu, saí dali para tomar um banho, trocar as roupas, pois elas tinham ficado muito chamuscadas e cuidar do meu braço queimado.
-Sobrevivi - digo, depois de um longo suspiro de alívio - tomara que não o encontre novamente...
__________
Válido by Zeus, 250 XP + 25 Dracmas
avatar
Sam Fletcher
Filhos de Atena
Filhos de Atena

Mensagens : 5
Data de inscrição : 17/03/2012
Idade : 23
Localização : Ilha dos Maliciadores

Ficha de Semideus
Ítens e Armas:
HP:
100/100  (100/100)
Nível: 3

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treino livre

Mensagem por Sam Fletcher em Qua Mar 21, 2012 4:06 pm

As coisas pelo acampamento iam na mais pura calma. Quíron liderava alguns novatos perdidos, e no meio deles, eu me encontrava. Não sabia muito o que fazer. Haviam tantas coisas e muita gente. Caminhei rumo ao C.T, com as mãos no bolso do bolso do meu casaco, pensando no que faria.

Adentrando o grande campo para treinamento, me deparei com poucos campistas treinando suas habilidades. Alguns lutavam com monstros que eu jamais tinha visto. Assustada, percorri a grande área, parando em um local mais reservado. Quíron apareceu atrás de mim, sorrindo.

- É perigoso para uma novata andar sozinha por aqui. - Sua voz rouca me assustou ainda mais. - Calma, garota. Sou apenas eu. - Me virei, me deparando com um centauro tranquilo.

Eu não tinha palavras. Levei uma das mãos ao coração, por conta do susto. Ele pareceu se deliciar com o que via, enquanto eu tentava me recompor. Alguns minutos depois, já me encontrava mais calma, então ele prosseguiu.

- Isto é seu. - Em suas mãos, estava uma espada enorme.

Não era uma espada enorme, exagerei. Era apenas uma espada comum de bronze celestial, de acordo com o centauro, mas eu estava impressionada de mais para pensar em qualquer coisa.

Quíron me passou algumas informações básicas e alguns golpes iniciais, para que eu pudesse começar a treinar oficialmente. Como era minha primeira vez, lutaria contra apenas um monstro de porte fraco. Criaturas inimagináveis passavam pelo local, algumas me faziam meus pelos se eriçarem de tão horrendas e pavorosas que eram. Uma coisa pequena, meia parecida com uma foca ia passando, quando Quíron chamou sua atenção.

A criatura correu em disparada pra cima de mim. Minha reação foi virar o corpo, fazendo com que a criatura passasse direto, sem me atingir. Aproveitei, e girei a espada no punho. A lâmina da espada foi de encontro ao tórax do monstro, fazendo-o rugir no mesmo instante.

Ele parecia recuperado as forças e voltou a me atacar, me acertando desta vez. Fui arremessada alguns centímetros, mais logo estava em alta de novo. Mais uma vez, rodei a espada, acertando agora, a cabeça com o cabo da mesma. O monstro, cujo era um telquine, mais conhecido como demônio marinho, pareceu perder a noção de tudo. Me aproximei e finquei a espada em seu peito, tornando o animal em mera poeira negra.

Quíron aplaudiu e se aproximou de onde eu estava. Arrumei minha franja, e as roupas, com um sorriso largo.

- Muito bem, Sam. - Ele esticou a mão para mim. - Meus parabéns. - Seu sorriso ia diminuindo cada vez mais.

- Obrigada, Quíron. - Aceitei sua mão, dando apenas um apertão.

- Peço a senhorita que se apresse em ir estudar as criaturas da mitologia grega. Amanhã, seu treino não será nada comparado com o de hoje. - Sua expressão agora, era de pura seriedade.

- As estudo desde que criança, apesar de pensar que não eram reais - digo - mas seria interessante visitar a biblioteca dos semi-deuses

Termino e saio dali, indo até a biblioteca que meus irmãos tanto visitavam.
avatar
Sam Fletcher
Filhos de Atena
Filhos de Atena

Mensagens : 5
Data de inscrição : 17/03/2012
Idade : 23
Localização : Ilha dos Maliciadores

Ficha de Semideus
Ítens e Armas:
HP:
100/100  (100/100)
Nível: 3

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treino livre

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum